Queda de produção- Pós- jogo Semana 10

Em uma excelente atuação de umas das melhores defesas da liga, o Los Angeles Rams venceu o Seattle Seahawks por 23 x 16, em mais uma partida péssima de Russell Wilson, a equipe de Pete Carroll amarga sua 3ª derrota nos últimos  4 jogos.

(Foto:Reprodução/Seattle Seahawks)

 

Duelo Divisional

Seattle no primeiro tempo conseguiu boas jogadas e um excelente ritmo, apesar das dificuldades estabelecidas pela forte defesa de Los Angeles. Foram 13 pontos no primeiro tempo de jogo, apesar de uma interceptação de Wilson na linha de 22 jardas do campo dos LA. No lado dos Rams, o ataque teve drivers consistentes e longos, comandados por Jared Goff , a formula de manter a posse de bola e gastar cronometro foi de fundamental importância para que a equipe do QB fosse para os vestiários vencendo por 13 x 17. Destaque para Jason Myers que acertou um chute de 61 jardas no final do 2º quarto, o mais longo da história dos Hawks.

Já no segundo tempo o ataque não se encontrou, péssimas leituras, e erros por parte de Wilson marcam uma partida melancólica para um dos melhores ataques da NFL, que marcou apenas 3 pontos no 2º tempo de jogo.  Na parte dos Rams foram apenas 6 pontos no segundo tempo, mostrando que o 3º e o 4º quarto foram de total domínio das defesas. Seattle terminou cedendo 389 jardas, 2ª menor marca da temporada,3 sacks e um fumble forçado. A defesa de LA foi extremamente dominante e finalizou o confronto com 333 jardas cedidas, 6 sacks, e 3 turnovers, todos em Russell Wilson.

Ataque

O colapso de um sistema que é um dos melhores da liga foi extremamente importante para o decorrer do jogo, DK Metcalf finalizou o jogo com apenas 2 recepções e 28 jardas, em um jogo onde mais  uma vez Russell cometeu turnovers. A péssima leitura de jogadas como na primeira interceptação de Wilson no jogo, mostram uma afobação dentro e fora do pocket. Nas 3 derrotas dos Hawks no ano, o camisa número 3 tem 5 touchdowns, 7 interceptações e 3 fumbles perdidos, números horríveis para um jogador que precisa cuidar muito bem da bola e que precisa ser um sinônimo de confiança para seus companheiros.

Defesa

O sistema tem tudo para ir evoluindo, mas a agressividade do coordenador Ken Norton Junior vem custando caro para uma defesa em desenvolvimento. A marcação em zona deve ser melhor trabalhada, pois Seattle cedeu 90 ou mais jardas para 12 recebedores diferentes esta temporada, maior marca da NFL.

Linha Defensiva

10 sacks nos últimos 2 jogos, uma marca impressionante de uma defesa que precisa exercer pressão sobre o QB adversário para ter sucesso, isso vem evoluindo a cada jogo, A  Blitz com Jamal Adams é uma jogada excelente, por sinal foram 2 sacks e 1 fumble forçado no duelo de hoje, mas a recorrência dessas chamadas fragiliza uma secundária que precisa que consistência.

Seattle(6-3) agora está em 3º na NFC West atrás dos Rams(6-3) e dos Cardinals(6-3) que ficam a frente pelo confronto direto. O próximo confronto dos Hawks será no Thursday Night Football contra o Arizona Cardinals, no CenturyLink Field, em Seattle.

Deixe uma resposta