Seattle Seahawks @ Green Bay Packers – Divisional Round

 

Olá 12’s! Depois de uma vitória com autoridade sobre os eagles, nossos Road Warriors avançam para o divisional round em um estádio 70% de chance de nevar.

O Seattle Seahawks viaja para Winsconsin para enfrentar os packers em um jogo dificílimo. Green Bay que vem de uma semana de descanso após garantir a seed numero 2 com uma vitória apertadíssima contra os Lions. Os Packers tem tido problemas com inconsistência ofensiva e normalmente o ataque demora a entrar no jogo. Já a defesa tem sido espetacular na pressão ao quarterback adversário liderados pelos Smith brothers. Zadarius e Preston. Com uma secundária sólida e um linebacker que é uma maquina de tackles em Blake Martinez, Green Bay vem com uma defesa bem forte contra o passe e muito porosa contra o jogo corrido. Os packers tem tido problemas em parar running backs. Este seria o jogo ideal para Chris Carson e Rashaad Penny brilharem. Porem nosso backfield está tomado de lesões e iremos para o jogo com Marshawn Lynch e Travis Homer. Ofensivamente, será um jogo desafiador para Seattle já que os packers tem dificuldade na bola longa e são bons defendendo o passe curto e médio.  Será um grande dilema em como nossa porosa linha ofensiva bloqueará o ímpeto do pass rush adversário. E como os Packers defenderão Russell Wilson. Analisemos o fatos, o matchup favorece mais os packers, jogarão em casa após uma semana de descanso e tem um time mais completo que o nosso, porém quem tem um jogador elite em uma posição tão decisiva quanto a de quarterback como temos, nunca está totalmente fora do jogo. Precisamos ter um jogo com muita atenção e realmente batalharmos incessantemente pra conseguirmos vencer. Torcer para que consigamos superar as eventuais dificuldades como foi naquela famosa final de conferencia em 2014.

E agora meus queridíssimos e estimados leitores, vamos a parte onde o filho chora e a mão não ouve…. Os Key Matchups!!!

 

Key Matchups para o Seattle Seahawks:

1 – Parar ou diminuir Aaron Jones: Jones tem sido fenomenal essa temporada para os packers carregando o ataque em momentos onde Aaron Rodgers não foi bem. Jones tem sido o principal fator e termômetro desse ataque.

2 – Estabelecer o jogo terrestre: Mesmo que tenhamos perdido 3 dos nossos 4 running backs do inicio da temporada, os Seahawks precisam explorar o ponto fraco dessa defesa dos packers e impor um jogo mais físico e estabelecer a ameaça terrestre para conseguir o playaction e ganhar jardas na deficiência do adversário.

3 – Pressionar Aaron Rodgers: Se Rodgers estiver todo o tempo do mundo pra lançar a bola, ele vai dissecar nossa secundária, pois é isso que quarterbacks de elite fazem. A pressão precisa chegar, e precisa chegar rápido nos dropbacks de rodgers.

4 – Colocar Green Bay em situações de 3 descida:   Os Packers tem um aproveitamento de 35,96% apenas ficando em 24º nessa estatística. São situações onde Seattle pode aproveitar e trabalhar em cima disso

5 – Ter um bom aproveitamento de Red zone: Os Seahawks tem tido um bom aproveitamento nas ultimas 20 jardas do campo adversário. Em playoffs, fora de casa e jogando contra um time bom, é crucial que aproveitemos as oportunidades com touchdowns.

 

Key Matchups para o Green Bay Packers:

 

  • – Controlar o relógio: Com um poderoso jogo corrido, os packers tem tudo para deixar Russell Wilsom fora de campo o maior tempo possível e contra uma defesa que cede muitas jardas a running backs, os packers podem ter um grande domínio do relógio e do jogo desta forma.

 

  • Pressionar Russell Wilson: Todos sabemos que uma hora ou outra a pressão vai chegar em Wilson, a questão é quando. Com um pass rush muito habilidoso que tem Green Bay e uma péssima linha ofensiva que tem Seattle, as chances de Wilson sofrer muito com a pressão é grande. Porém contra os Eagles, Wilson sofreu apenas 1 sack enfrentando uma ótima linha defensiva.
  • Trabalhar os screen passes: Esse tem sido um grande trunfo nesse time treinado por Matt LaFleur. E uma grande dificuldade pra defesa de Pete Carroll.
  • – Envolver Aaron Jones ao máximo possível: Jones tem sido a principal arma dos packers. Tem ajudado a linha ofensiva contra o passe, ajudado Aaron Rodgers tirando a pressão de seus ombros e tem tido jogos espetaculares no meio do caminho.
  • Proteger Aaron Rodgers: Os packers tem tido mais sucesso quando Rodgers é deixado em paz. Roders precisa de um bom jogo caso Seattle por algum milagre consiga parar Aaron Jones. E tem tudo para fazer uma boa partida fazendo jogadas em momentos cruciais.

 

Por hoje é isso hawkers. Vamos a um jogo duríssimo e dificílimo em um ambiente hostil, mas com muita fé pra um jogo que tem tudo pra ser definido nos últimos instantes do jogo. Let’s go Hawks!!

One Reply to “Seattle Seahawks @ Green Bay Packers – Divisional Round”

  1. Pois é a nosso favor não aconteceu nada de bom só nos resta lamber as feridas e aguentar ano que vem Carrol e sua trupe.

Deixe uma resposta