Pré jogo Seattle Seahawks vs Arizona Cardinals – Semana 16

 

Pré jogo Seahawks vs Cardinals

Olá 12’s! Após uma semana perfeita onde pulamos de 5th seed pra passar a semana como 1st seed, podemos dizer que hoje temos a faca e o queijo na mão pra terminar dessa forma. E pra isso uma vitória contra arizona é fundamental. Existem alguns torcedores e analistas classificando como vitória fácil, mas já acompanho os seahawks há um tempo para saber que nada vem fácil pelos lados do noroeste do pacifico norte-americano. Arizona fez na ultima semana sua melhor partida defendendo o passe, mas ainda assim figura em último contra o jogo aéreo. Arizona que teve um despertar ofensivo desde que adquiriu Kenyan Drake vindo do Miami dolphins. Drake desbancou David Johnson que vinha sendo o running back principal da franquia desde que chegou via draft. Drake com os cardinals tem um total de 592 jardas corridas em 134 toques na bola e 5 touchdowns. O que da uma media de 4.4 jardas por tentativa. O que é impressionante considerando que é um time que quase sempre está atrás do placar. Drake que vem do seu melhor jogo com os cardinals correndo para 137 jardas e 4 touchdowns. De fato a nossa defesa contra a corrida não é das melhores e é algo que precisamos ficar alertas já que Kyler Murray também corre muito bem com a bola. Será um jogo um pouco mais difícil do que muita gente espera e certamente mais difícil do que o primeiro confronto. Porem, temos a vantagem de jogar em casa e temos um time melhor também. Vamos confiantes para uma vitória que nos mantenha a frente na divisão e na NFC. E agora é a hora Brasil… Vamos aos Key Matchups!!!!

 

Key Matchups para o Seattle Seahawks:

1 – Contenção de corrida: De fato sabemos que os cardinals tem tido seus problemas como um time de forma geral, mas o ponto forte desse time aonde o ataque é fundamentado é o jogo terrestre. Quando os cardinals conseguem correr bem com a bola, tudo funciona melhor. Então conter a corrida é fundamental em todos os aspectos pra nossa defesa.

2 – Parar a corrida pra conseguir pressionar Kyler Murray: Como o ponto focal de arizona é a corrida, Seattle precisa conseguir isso pra colocar Murray em situações óbvias de passe pra pressioná-lo e assim conseguir boas jogadas defensivas.

3 –  Correr bem com a bola: Precisamos correr bem mais do que passar a  bola e evitar correr tantos riscos e levar tantos sacks afinal vamos enfrentar ninguém menos que Chandler Jones. Alem do que os cardinals tem uma defesa ruim contra o jogo corrido.

4 – Mesclar bem o jogo aéreo e terrestre: Cardinals por ter uma defesa ruim contra a corrida e o passe, deve focar em parar uma das duas armas de Seattle, logo deve abrir o espaço pra que a outra qualidade venha a tona. Precisamos explorar as duas e equilibrar.

5 – Controlar o jogo desde o início: Forçar turnovers, pontuar bem desde o inicio como foi contra os panthers pra que consigamos logo de inicio frear a corrida dos cardinals. Se abrirmos logo uma boa vantagem, Arizona será “obrigado” a lançar mais a bola e o beneficio é todo nosso se isso acontecer.

 

 

Key Matchups para o Arizona Cardinals:

 

  • – Correr bem com a bola: Essa é a maior chave do jogo pra arizona. É o ponto forte desse ataque com a ameaça dupla do Kenyan Drake e Kyler Murray.

 

  • Usar bastante read-option e corridas em jet-sweep: A defesa de Seattle não é das melhores contra a corrida e já provou ter muita dificuldade parando os jet-sweep e end-arounds(aquelas corridas que um recebedor sai coreendo pro backfield e o quarterback entrega pra ele correr). Somado a isso, os read-options podem ser cruciais.
  • Pressionar Russell Wilson com apenas 4 jogadores: Arizona não pode soltar os cachorros em Wilson porque já vimos o que acontece quando mandam muita gente atrás dele, ele queima a blitz.
  • – Cuidar bem da bola: Pra Arizona como um time inferior, tem que evitar ao máximo cometer turnovers, especialmente contra um rival de divisão que está muito bem e ainda mais jogando fora de casa.
  • Tirar Kyler Murray do pocket e evitar situações óbvias de passe: Não que o pass rush de Seattle seja de elite. Longe disso. Mas com uma linha ofensiva bem deficiente protegendo seu quarterback novato, os Cardinals precisam explorar a habilidade de corrida e agilidade de Murray. É imprescindível que murray esteja sempre em movimento pra não expor tanto sua linha ofensiva.

 

Por Hoje é isto hawkers, vamos torcer por uma vitória maiúscula pra nos afirmar no topo da NFC. Go Hawks!!

Deixe uma resposta