49ers at Seahawks – Pré Jogo

Como vão vocês, torcedores dessa franquia maravilhosa.

Aqui estamos mais uma vez pra esse já tradicional texto de pré jogo, desta vez ante os 49ers no primeiro confronto entre ambas as equipes na temporada.

Completamente diferente das previsões feitas na intertemporada, aqui temos um cenário um tanto quanto facilitado para Seattle.

Sem Jimmy Garoppolo, contando com o calouro Nick Mullens, Kyle Shanahan tentará surpreender a equipe de Pete Carroll com o seu já conhecido e criativo esquema ofensivo.

Dado como um jogo relativamente fácil, há historias e matchups nessa partida que podem fazer as coisas ficarem interessantes no Century Link, principalmente a imposição do jogo terrestre de San Francisco com o ótimo segundo anista Matt Breida, que vem fazendo um bom ano considerando todas as adversidades que se impuseram a franquia nessa temporada, com 738 jardas e uma excelente media de 5,8 jardas a cada toque na bola, Breida deve ser a maior ameaça para a defesa de Seattle, não apenas na contenção ao jogo terrestre mas também na utilização das playactions, Shanahan tem usado muito com Mullens desde que ele assumiu a posição há algumas semanas, e o calouro tem qualidades e pode desempenhas um bom papel caso se encontre em situações muito favoráveis. Aqui entra uma questão preponderante também na partida a favor de Seattle, o limitado grupo de recebedores de San Francisco tem causado problemas no playbook ofensivo, com exceção de George Kittle o TE, que surge ai como uma peça fundamental nos próximos anos da franquia, é um corpo que pouco está produzindo, poderemos aqui prever uma partida solida por parte da nossa secundaria.

Do outro lado da bola, San Francisco também tem problemas, mas também algumas soluções.

Reuben Foster finalmente foi cortado do elenco, primeira rodada no draft do ano passado, nunca mostrou o futebol que parecia ter em Alabama, mas cá entre nós, ele era uma bomba relógio e todos sabiam disso.

Fora o abalo pela recente péssima noticia, a unidade possui sim bons nomes, DeForest Buckner já é um dos grandes Defensive Tackles da liga e um dos lideres do time, Solomon Thomas ainda tem muito a provas mas certamente tem muito talento pra isso, o calouro Fred Warner vem fazendo um bom trabalho jogando como um middle linebacker e obviamente, a grande historia do jogo, Richard Sherman.

Atuando pela primeira vez em Seattle vestindo a camisa de uma outra franquia, o CB e uma das estrelas da liga, terá a dura missão de acompanhar seja Tyler Lockett ou Doug Baldwin, qual será o seu nível de atuação? Não sabemos, mas motivação ele tem de sobra. Além deSherman, dois nomes também muito conhecidos da gente estarão do lado de San Francisco, Cassius Marsh e o MVP do SB48 Malcolm Smith, mas da voltas esse mundo.

Por parte de Seattle, o que podemos dizer é, se vencermos a batalha das trincheiras, venceremos o jogo com alguma facilidade. Mullens vem de 4 sacks sofridos contra o forte pass rush dos Bucaneers e nada indica que ele terá vida fácil em Seattle, Frank Clark e Jarran Reed adoram chegar no quarterback adversário, obviamente não conseguimos isso em Carolina, mas o jogo da ultima semana foi uma exceção e a tendência é que o pocket dos 49ers fique exposto amanhã, o que pode inflar ainda mais a taxa de turnovers lançados por Nick, que tem sido alta nos últimos jogos, sem cuidado com a bola, contra Seattle que tem roubado a bola do adversário, aqui pode estar outro problema a ser enfrentado pelo jovem quarterback.

 

Conter o ímpeto do frontseven californiano e abrir as saídas para Chris Carson e Mike Davis, nos darão controle de relógio e um Wilson com caminho aberto no terceiro nível, nessa excelente fase já clássica e tradicional que ele passa nos meses de novembro e dezembro, podemos prever uma longa tarde pra secundaria de San Francisco. Um bom fim de semana a todos, que a sorte esteja conosco amanhã, GO HAWKS!

Deixe uma resposta